Mortes são uma constante em The Walking Dead e a 9ª temporada não foi exceção, afinal tivemos a morte de dez personagens de uma só vez no Massacre das Estacas dos Sussurradores.

Neste evento perdemos alguns personagens de longa data, como Tara e Enid, que marcaram presença em The Walking Dead por várias temporadas.

Enid em específico fez sua estreia na 5ª temporada, sendo promovida ao elenco regular na 8ª temporada. Em entrevista ao site Insider, a atriz que interpretou a personagem, Katelyn Nacon, comenta como se sentiu quando soube que estaria nas estacas.

No início das gravações, por volta de abril ou maio do ano passado, tivemos uma reunião geral e ela [Angela Kang, a showrunner da série] me disse que havia a possibilidade [da morte de Enid]. Eles não estavam com certeza até agosto.

Eu gravei a temporada sabendo que havia a possibilidade, mas sem ter a certeza. Então meio que fiquei em um limbo por um ano.

Então, acho que por volta de novembro, faltando uma semana para gravarem o episódio 15 [o episódio das estacas], eu ainda não estava com a resposta se minha personagem morreria ou não.

Eu mandei um e-mail para eles, que me ligaram de volta dando a notícia.

Nacon também comentou ter ficado desapontada com o desenvolvimento de seu personagem, reduzindo-a a outro relacionamento.

Eu pensei que fosse morrer tipo lá sexta temporada. Não imaginei que meu personagem fosse durar tanto assim. Portanto, estou feliz por ter chegado até aqui.

Mas acho que por volta da oitava temporada as coisas começaram a ficar bem mais lentas [para a Enid]. Ela meio que ficava boa parte do tempo em segundo plano e sua história não estava progredindo.

Mesmo com a nona temporada. Ela se tornou uma médica, mas a série não fez um progresso de verdade com ela além de falar que ela era uma médica e ter lhe dado um namorado.

Honestamente, estavam ficando sem conteúdo para ela ou algo assim? Eu realmente não sei.

No começo desta temporada eu pensei que estava tudo indo bem, com ela aprendendo a ser uma médica e tudo mais. Eu pensei que coisas emocionantes estariam a caminho, mas fiquei um pouco desapontada com a segunda parte da temporada, pois o papel dela meio que acabou reduzido a um interesse amoroso.

Contudo, havia muito mais nela do que retornar ao ponto onde ela começou. Sim, eu fiquei meio desapontada pois minha trama continuou centrada em um outro personagem.

É triste ter uma mulher realmente forte e independente na série e então deixar sua trama focada em um homem.

O que você achou do desenvolvimento de Enid em The Walking Dead? Concorda com a atriz e acha que a personagem deveria ter tido mais momentos?

Siga The Walking Dead BRASIL nas redes sociais!