The Walking Dead recebeu severas críticas devido à violência explícita das mortes de Glenn e Abraham durante o episódio de estreia da sétima temporada e, aparentemente, os produtores da série podem ter levado em consideração as reações negativas ao editar o midseason finale.

Em uma entrevista ao site ComicBook, o ator Joshua Hoover, que interpreta Fat Joey, explicou que a morte de seu personagem foi bem mais explícita do que foi mostrado na série e uma tomada em que sua cabeça se abria com os golpes desferidos por Daryl foi cortada.

Na cena, enquanto Joey é atacado com um cano de metal, a câmera se foca em Daryl e acabamos não vendo o estado em que ficou o cadáver.

Sr. Norman Reedus acertou a minha cabeça, foi um golpe e tanto (…) Houve um efeito especial usando uma bolsa de sangue. Eles colocaram a bolsa no cano e espirrou sangue para todo o lado. Todos disseram que ficou incrível, mas também muito explícito. Então estou presumindo que é por isso que não mostraram aquele ângulo, eles provavelmente já passaram um pouco da conta com o estômago do Spencer.

Isso seria um indício de que a série poderá se tornar menos violenta nos próximos episódios?

Fonte CB

Siga Geekdama nas redes sociais!