Em março, a AMC informou que a produção física da 11ª temporada de The Walking Dead seria adiada e que as gravações da 6ª temporada de Fear The Walking Dead, as quais já estavam em andamento, seriam suspensas em prevenção à pandemia do coronavírus.

Os roteiristas da série foram forçados a trabalhar remotamente quando a quarentena foi imposta na Califórnia, onde ficam os escritórios da franquia.

Em entrevista ao BuzzFeed News, a roteirista LaToya Morgan, que escreveu Guardians, o 12º episódio da 9ª temporada, informou que os escritores da série estão usando o Zoom para discutir a próxima temporada.

As reuniões virtuais são realizadas com entre seis e nove pessoas e costumam duram de quatro a cinco horas, contando com várias pausas. Segundo LaToya, as reuniões presenciais costumam ser bem mais longas.

Obviamente, tudo isso é disruptivo de certa forma, mas no final do dia, ainda podemos fazer nosso trabalho.

Ainda não se sabe como o coronavírus afetará o calendário de lançamento das séries do Universo The Walking Dead para os próximos meses.

Em novembro de 2019, Ed Carroll, Executivo Chefe de Operações da emissora, revelou que a AMC planejava cerca de 10 meses de programação da franquia para 2020.

No entanto, além do possível atraso nas novas temporadas da série principal e de Fear The Walking Dead, houve também o adiamento da estreia de The Walking Dead: World Beyond.

A final da 10ª temporada de The Walking Dead, cuja pós-produção também não foi finalizada por causa do coronavírus, segue sem previsão de exibição.

Leia também:

 

Fonte BuzzFeed

Siga The Walking Dead BRASIL nas redes sociais!